O Jornal mais lido de Pinhais

Get Adobe Flash player

O motorista que ficou gravemente ferido após se envolver em um acidente com um trem por volta das 19h de sábado (25) em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, morreu no final da noite no Hospital Cajuru, em Curitiba. Segundo a Polícia Militar (PM), ao passar na linha férrea o homem foi arrastado pelo trem e ficou preso às ferragens. A esposa dele, que também estava no carro, teve ferimentos leves.
Um dia antes, no mesmo local, outro veículo também foi arrastado por um trem. O motorista tinha 21 anos e morreu na hora. Outras duas pessoas que estavam no carro também se machucaram, uma delas gravemente.
De acordo com os moradores, em menos de dois meses foram registrados cinco acidentes com trens na região. Eles dizem que tanto os maquinistas dos trens quanto os motoristas que passam pelo cruzamento andam em alta velocidade. “Isso é um absurdo. Qualquer hora pode acontecer uma tragédia ainda maior”, reclama o morador Ismael Alves Cordeiro.
Os moradores organizaram um protesto na região a partir das 14h deste domingo.
Em nota, a América Latina Logística (ALL), responsável pela linha férrea que passa no trecho, declarou que lamenta os acidentes e que seus trens trafegam dentro da velocidade permitida no trecho em questão. Veja a nota na íntegra.
A concessionária que administra a linha férrea lamenta profundamente os fatos ocorridos nos dias 24 e 25/07 e reforça que, de acordo com o código de trânsito brasileiro, a linha férrea é sempre preferencial, sendo considerado infração gravíssima transpô-la sem parar, já que o trem demora, em média, 500m para parar totalmente depois de acionado os freios de emergência. Informa que o maquinista cumpriu todos os procedimentos de segurança, como acionamento de buzina e freios.
A empresa esclarece que seus trens trafegam dentro da velocidade permitida no trecho em questão e que cumpre todas as normas estabelecidas pela agência reguladora.
A concessionária reitera ainda que realiza campanhas frequentes de conscientização nos cruzamentos com a ferrovia, além de palestras educativas em escolas próximas à malha, para minimizar os riscos de acidentes envolvendo veículos, pedestres e trens.

Lei Geral da Micro e Pequena empresa, licitações e fomento de negócios entre empresas da cidade são alguns dos temas tratados durante o lançamento do programa

Na manhã da quarta-feira (15), a prefeitura de Pinhais promoveu um evento direcionado ao desenvolvimento e fortalecimento de empresas. A iniciativa foi realizada por meio de uma parceria entre a Secretaria

Leia mais...

Município de Pinhais sofre com depredação em placas de sinalização

Segundo a Secretaria de Obras, o dinheiro investido na reposição das placas poderia ser utilizado em outras intervenções na cidade

A Secretaria Municipal de Obras Públicas (SEMOP) trabalha frequentemente com a instalação de placas de sinalização no Município de Pinhais. Cada vez mais comuns estão os relatos de depredações nestas placas, e com isso, a Prefeitura investe valores significativos para a reposição destes equipamentos. Dinheiro este, que poderia ser investido na aquisição de materiais para a sinalização de novos pontos, evitando acidentes, indicando ruas e espaços públicos e alertando a população como um todo. De acordo com a SEMOP, as placas baixas de sinalização de tráfego e as hastes com nomes das ruas são os principais alvos para o vandalismo.

 

Para diminuir estes gastos, a Prefeitura de Pinhais pede ajuda aos moradores do município, caso perceba alguma ação suspeita, basta ligar para a Guarda Municipal de Pinhais e denunciar. Os agentes irão até o local, e, caso possível, evitarão que o dano continue. Com esta ajuda, o número de casos e o valor dos custos serão reduzidos.

 

Punição

 

Danificar patrimônio público é crime previsto no Código penal (Art. 163, Inciso III). Por isso, quem for flagrado em ato de vandalismo, pode ser enquadrado por dano qualificado, que prevê pena de detenção de seis meses a três anos e multa correspondente a ação.

 

Serviço

 

Para denunciar a ação de vândalos, ligue para a Guarda Municipal de Pinhais no telefone 153.

 

Para informar a existência de placas/ou outros materiais de sinalização, danificados é só entrar em contato com a Secretaria de Obras Públicas, pelo telefone 3912-5234.

 

A pedido do Ministério Público do Paraná, a Vara da Fazenda Pública de Rio Branco do Sul determinou o afastamento cautelar do prefeito de Itaperuçu, na Região Metropolitana de Curitiba. Ele é acusado de praticar inúmeros atos ilícitos, com o objetivo de fraudar a lei e desviar dinheiro público.

Artigas (à esquerda) foi afastado do cargo e o vice, Macadame, assumiu a prefeitura esta semana. (Foto: Divulgação

itaperucu

 

Segundo investigações da 1ª e da 2ª Promotorias de Justiça de Rio Branco do Sul, a prefeitura de Itaperuçu celebrou diversos contratos com empresas de fachada, após a realização de procedimentos licitatórios fraudulentos e de dispensas indevidas de licitações.

 

De acordo com a decisão da Justiça, “a permanência do prefeito no exercício do cargo durante a fase instrutória do processo poderia comprometer a apuração da verdade em juízo”. As investigações revelaram que, após o MP-PR deflagrar a apuração dos fatos, a prefeitura, “com o propósito nítido de mascarar a realidade dos fatos e de influenciar na conclusão das investigações que já estavam em curso, passou a inserir no seu sítio eletrônico diversos exemplares dos periódicos oficiais cujas publicações, nas épocas das suas respectivas edições, haviam sido omitidas”.

 

O afastamento do prefeito foi limitado a 180 dias e, caso os fatos sejam comprovados em juízo durante a instrução processual, o administrador municipal pode perder sua função pública.

Exibindo _DSC0022[1].JPG

O prefeito de Curitiba Gustavo Fruet e o prefeito de Pinhais, Luizão Goulart foram os dirigentes locais que representaram a Grande Curitiba no evento organizado pela ONU-Habitat nesta terça-feira (19). Os dois participaram de um amplo debate sobre o desenvolvimento e à transformação das metrópoles em cidades inteligentes. O evento tem como tema o Smart City Busines America Congress e é considerado o maior encontro da América Latina sobre soluções urbanas sustentáveis.

Os modelos e as alternativas de financiamento voltados ao desenvolvimento e à transformação das metrópoles em cidades inteligentes foram tema do Smart City Business America Congress & Expo, maior evento da América Latina sobre soluções urbanas sustentáveis. O evento foi aberto nesta terça-feira (19), em Curitiba, com uma série de debates promovidos pela ONU-Habitat.

Para o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, que integrou a mesa de administradores municipais, o esforço deve estar voltado para a criação de ambientes de atração de investimentos, sem perder o foco na vocação do município.

O chefe da Unidade de Desenvolvimento de Capacidades da ONU-Habitat, Cláudio Acioly, destacou que o processo de urbanização propicia o surgimento da economia criativa, baseada na inovação, criatividade e capital intelectual dos empreendedores, e que este é um setor que pode ser um agente de contribuição no desenho e no financiamento das novas políticas públicas. “Ao reunirmos um grupo de empresários interessados no desenvolvimento urbano sustentável, podemos ver como a parceria entre o público e este segmento pode acelerar uma nova agenda urbana, com soluções inteligentes”, disse. “As smart cities se caracterizam pelo esforço em se tornarem competitivas. Isso gera uma preocupação com o planejamento urbano e com o desenvolvimento urbano.”

As discussões conduzidas pela ONU-Habitat servem também de base para o Protocolo de Curitiba, documento que será assinado na noite desta terça-feira (19) e que vai orientar a criação de políticas de desenvolvimento urbano sustentável e de uma Política Nacional para as Smart Cities. O Protocolo inclui as principais diretrizes que serão enviadas ao Secretariado da III Conferência das Nações Unidas sobre Habitação e Desenvolvimento Urbano Sustentável, a Habitat III, que ocorrerá na cidade de Quito, no Equador, em 2016.

Soluções pontuais

Fruet citou soluções recentemente implantadas em Curitiba para exemplificar como iniciativas pontuais e específicas podem contribuir na construção de uma cidade mais humana e inteligente: semáforos que, a partir da leitura do cartão-transporte ampliam o tempo de travessia para idosos e pessoas com deficiência; a Via Calma e o programa Nossa Feira, no qual há venda de produtos com preço mais baixo  - possível pela parceria da Prefeitura com cooperativas de agricultores familiares. “Ampliamos o Conselho de Urbanismo para que dele participassem também entidades do setores produtivos e representativos de classe. É preciso tratar o setor privado como um aliado da cidade”, destacou.

As Estações da Sustentabilidade, equipamentos concebidos para envolver os cidadãos na gestão dos resíduos sólidos e aperfeiçoar a coleta seletiva, e que em alguns casos começam a receber leitores de cartão para registrar os usuários mais assíduos, também foram lembradas pelo prefeito. “É preciso que todas essas ações estejam integradas num planejamento de longo prazo, como está na proposta de revisão do Plano Diretor de Curitiba”, completou.

Segundo o prefeito de Campinas (SP), Jonas Donizette, a chave do sucesso das intervenções urbanas está na colaboração. “Acredito que, assim como as pessoas, as cidades têm características. Têm sonhos e ambições. E não tenho dúvida de que a tecnologia é a grande aliança para que os setores público e privado possam atuar juntos no desenvolvimento urbano.”

Luizão aproveitou o momento para enfatizar sobre a importância de as empresas oferecerem mais soluções e não tantos produtos aos municípios. “Não temos mais como pensar iniciativas restritas ao território dos municípios. Na nossa região metropolitana, cerca de 40% das pessoas mudam de cidade diariamente para trabalhar ou estudar, então as soluções precisam ser regionais”, disse.

“A reabertura da Pedreira Paulo Leminski teve impacto na oferta de serviços relacionados à organização de eventos. Também observamos a atração de milhares de turistas nos dois grandes shows realizados lá em abril. Isso reforça a vocação da economia de serviços, que é muito forte em Curitiba”, exemplificou Fruet.

Participaram também da discussão o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, e o presidente da Associação Brasileira de Municípios, Eduardo Tadeu Pereira. Em mesas anteriores, executivos de diversas empresas – como Ciro Diehl, da Oracle, Luis Carlos Pimenta, da Volvo Bus Latin America, Manoel Horácio da Silva, do Instituto TIM – além de representantes de agências reguladoras e do Executivo e Legislativo federal debateram o futuro das cidades.

Os gestores vieram analisar, principalmente, o funcionamento da central de monitoramento, que tem apresentado resultados positivos para o município

 

Na última semana, a Prefeitura de Pinhais recebeu a visita de gestores do município de Paranaguá, que vieram com intuito de conhecer áreas de tecnologia e finanças. O Prefeito de Paranaguá Edison de Oliveira Kersten disse estar lisonjeado com a forma em que foi recebido pela equipe da prefeitura. "Estou agradecido por ter sido recebido pelo Prefeito Luizão e por ele ter aberto as portas e as informações terem sido repassadas de maneira transparente, colocando as falhas, o que deu certo ou errado", declarou.

Segundo o Secretário de Governo Lukala Nóbrega, um dos motivos da comissão procurar o município foi para verificar os principais procedimentos para instalação das câmeras patrimoniais e de monitoramento. "Pinhais acabou se tornando referência no Paraná, pelos bons resultados da central de monitoramento integrado entre a Polícia Militar e a Guarda Municipal", relata o secretário.

Além disso, a equipe também aproveitou para conhecer os sistemas de gestão de patrimônio e de frotas, que hoje é totalmente informatizado em Pinhais, e que proporcionam um gerenciamento das informações de forma mais eficiente e segura.

Poderão se inscrever no evento grupos de danças de escolas, academias e companhias de danças do município de Pinhais e Região

 

Encerram no próximo dia 29 as inscrições para a IX Mostra de Dança de Pinhais, promovida pela Prefeitura Municipal de Pinhais, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer e do Departamento de Cultura. As apresentações serão realizadas no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves, entre os dias 26 a 28 de junho.

Os interessados podem realizar as inscrições de três maneiras: Pessoalmente no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann, localizado na Rua 22 de Abril, 305; por correio ou através do e-mail mostradancapinhais@gmail.com.

Podem se inscrever grupos de dança de escolas, academias e companhias de dança de Pinhais e Região que atendam as seguintes categorias:

Infantil – Bailarinos de 7 a 12 anos;

Infanto-Juvenil – Bailarinos de 13 a 15 anos;

Sênior – Bailarinos de 16 a 18 anos;

Adulto – Bailarinos a partir de 19 anos;

Grupos convidados:  Serão escolhidos pela organização do evento para realizar diversas apresentações durante o evento.

Cronograma

Inscrições para apresentações – De 20 de Abril a 29 de Maio de 2015.

Inscrições para workshops – De 15 de Maio a 12 de Junho de 2015.

Resultado da seleção e cronogramas – Até 15 de Junho de 2015.

Apresentações – De 26  a 28 de Junho de 2015.

Workshops – De 25 a 28 de Junho de 2015.

Serviço

As inscrições podem ser realizadas no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann, localizado na Rua 22 de Abril, 305, Centro.

E-mail: centrocultural@pinhais.pr.gov.br

Telefone: 3912-5241 / 3912-5253

Nesta primeira fase, a PR-415 receberá mais uma pista ao longo de aproximadamente quatro quilômetros

 

Após um moroso processo, e reivindicações de diversas entidades, as obras de duplicação da Rodovia João Leopoldo Jacomel estão em andamento. No total, a intervenção, entre Pinhais e Piraquara, tem 14 quilômetros de extensão. A duplicação tem como objetivo ampliar a capacidade de tráfego da rodovia, por onde passam mais de 25 mil veículos por dia, conforme levantamento do Governo do Paraná.

Leia mais...

Também em menção aos 23 anos do município, a iniciativa foi realizada no último sábado (14) no bairro Atuba

No último sábado (14) mais uma edição do programa Justiça no Bairro foi realizado em Pinhais, e mais uma vez contou com grande participação da comunidade. O evento, assim como Sesc Cidadão e a Feira Municipal de Serviços, chegou a sua 10ª edição no município, e fez parte das comemorações do aniversário de 23 anos. Neste ano, os serviços foram disponibilizados no Ginásio Poliesportivo do Perdizes, localizado no bairro Atuba.

Leia mais...

Falou em Brasil e Argentina logo se pensa na rivalidade entre os dois países, seja em qualquer esporte. Mas a alta tensão vai ficar de lado, pelos menos na equipe Mg Bikes Yamaha Racing, que reúne dois pilotos de cada uma destas nações e que vai disputar a 18ª edição das 500 Milhas de Motovelocidade. O evento será nos dias 27, 28 de fevereiro e 1º de março, pela primeira vez no Autódromo Internacional de Curitiba, que fica na cidade de Pinhais (PR).

Leia mais...

CONTATO COMERCIAL

atendimento pelo email:

tudoPinhais@gmail.com

 

Visitantes

003114541
Hoje
Ontem
Ultima Semana
Ultimos Mêses
Este Mês
Último Mes
Total Geral
1783
1618
10160
3090427
38135
184588
3114541

Your IP: 201.22.51.1
Server Time: 2019-04-21 20:50:29

Facebook